Descubra as vantagens do cabo Drop Flat 100% Colado

Updated: Nov 8

O cabo drop flat colado é um modelo de cabo assinante muito utilizado pelas operadoras no Brasil, é uma variação do drop flat padrão, onde é aplicado uma camada adesiva de cola para que o elemento de tração fique colado à capa plástica.


Com isso, a durabilidade do mensageiro de aço aumenta muito, pois o aço não fica exposto diretamente aos elementos presentes na atmosfera, como por exemplo salinidade e chuva ácida.


Além disto, a capa colada agrega mais estabilidade ao cabo, ou seja, o cabo não irá torcer facilmente, isso diminui o risco de atenuação ou rompimento da fibra óptica e facilita o lançamento do cabo óptico.


Acreditamos que você já teve problemas em lançar um cabo e ele se torcer completamente no "trecho", ou ao utilizar cunhas de ancoragem e a capa plástica "correr" e a fibra óptica ficar exposta.


Bom, mas o custo de aquisição do cabo drop flat não colado é mais "barato" em um primeiro momento, então vale a pena utilizar um cabo 100% colado?


Alguns fatores importantes para responder essa pergunta são:


a) Vida útil antes da primeira manutenção;

b) Custo de paralisação para manutenção;

c) Paralisação da rede e experiência do usuário de internet;


O cabo drop 100% colado proporciona uma maior segurança para a rede externa e propicia a longo prazo uma rede com custo operacional inferior e uma melhor experiência ao assinante.


Para que serve os cabos drop flat?


Cabo construído para aplicações FTTH e FTTA, para uso externo autossustentado em vãos de até 80 metros e para uso interno com a remoção do elemento de sustentação.

O Cabo Óptico Drop Compacto constituído por fibras ópticas ITU-T G.657.A2(BLI) de baixa sensibilidade a curvatura, DROP possui revestimento externo Low Friction (AR) ou Convencional (CO) de baixa emissão de fumaça e livre de gases tóxicos halogenados (LSZH). Possui elementos de tração em Aço, que possibilita sua instalação em dutos sem utilização de guia, e também elemento de sustentação em Aço que possibilita a instalação aérea com vãos de até 80m.